24 de abril de 2011

É engraçado...

....como às vezes em um lugar cheio de pessoas nos sentimos tão sozinhos e com uma única pessoa nos sentimos tão completos. é engraçado como milhões de beijos não substituem o carinho de quem se ama, que 100 pessoas online no seu msn não te prendem na frente do computador como o status de um único contato, que a vontade de que o tempo pare é maior ao lado dele do que ao lado de qualquer outra pessoa no mundo, que nenhum sorriso é tão lindo igual ao dele, nenhum 'eu te amo' mexe tanto com você, nenhum momento te deixa com tanto friozinho na barriga do que os vividos ao lado de quem se gosta. é engraçado como não trocamos alguém por tudo. um sentimento pelo mundo. e nada mais nos instiga, nada mais nos fascina, nada mais nos interessa do que o coração dele.

6 de abril de 2011

Intensidade. ♥


Um sorriso, algumas palavras com um certo ar de graça, isso foi o bastante para dispertar em mim o interesse em saber mais de voce, em aprender mais sobre quem era e do que voce gostava. Eu queria ganhar sua confiança, queria ser a tua primeira opção, mas nada alem disso, uma amizade. Acho que essa tal curiosidade não acontecia sozinha, ela era acompanhada por um desejo disfarçado, nem pude perceber e quando me dei conta já havia passado o tempo e com ele veio a minha dependencia de voce. O fato era: Como alguem poderia amar depois de tanto sofrer, como alguem poderia enchergar em alguem a oportunidade de fazer tudo diferente, de fazer valer a pena tudo o que passou? a resposta é simples: Aprendi nesse curto tempo que "assim como há alguem para machucar existe um outro alguem para curar feridas." Foi tudo simples assim, agradeço por estar com voce, meu amor. Eu te amo sem medo «
                                          [Mark Sheen Damon]

Crítica a Sociedade


 Se é gorda, não serve. Se é magra , não serve. Se é baixinha, ela não te alcança. Se é alta, fica feio. Se é gostosa, é fútil. Se não tem peito e bunda, é reta. Se é nerd, é chata. Se não é estudiosa, é burra. Se tem ídolos, é infantil. Se não tem, nunca vai ser nada, porque não tem em quem se espelhar. Se fala “eu te amo” toda hora, é falsa. Se não fala “eu te amo”, é fria. Se é fechada, é sem papo. Se se aproxima, fala demais. Se sorri demais, é mentira. Se chora demais, é exagero. Se é rico, é metido. Se é pobre, é coitado. Se é engraçado, quer se mostrar. Se é quieto, é sem graça. Se beija demais, não sabe se respeitar. Se não beija todo mundo, é idiota. Se tem tatuagens/piercings, é revoltado. Se não tem, é sem personalidade. Se ultrapassa as regras, não tem postura. Se não ultrapassa, é certinho. Se não fala, é antipático. Se fala, está a fim. Então, seja o que você quiser. Nada vai estar bom para a sociedade mesmo.

3 de abril de 2011

eu tenho necessidade de você...

eu tenho muita necessidade de você, uma necessidade enorme de te ter por perto sempre, de te abraçar, te beijar, te agarrar, de te proteger, de cuidar de você. de dizer que eu gosto de você, necessidade de demonstrar isso. de falar que eu adoro o seu cabelo, teu cheiro, tua voz, do teu olhar, do calor da tua respiração, e principalmente desse seu jeito, que me irrita, que me provoca, que me encanta, e que me faz muito feliz. é necessário te mostrar que você é o responsável por cada batida disparada que o meu coração dá quando te encontra, quando me toca. responsável pelas minhas mudanças de humor, por me alegrar .. pelos meus calafrios e calores constantes. tenho uma necessidade sem tamanho de dizer que me importo com você, com o seu bem estar e com a sua felicidade, que tenho ciúmes e uma saudade profunda de você. necessidade de ouvir que tudo vai dar certo no final, e que sempre vai estar aqui. necessidade de falar que eu te amo e que não é só um pouquinho *;